Cinco pessoas morreram em Barra do Garças na sexta-feira de infarto e AVC e o forte calor contribuiu para esse quadro

18/10/2014 11:57

 

Araguaia Notícia

 

O forte calor que faz na região de Barra do Garças infelizmente acaba contribuindo para agravar o quadro de saúde de algumas pessoas e cinco óbitos foram registrados só na sexta-feira. Duas das pessoas que morreram trabalhavam na prefeitura de Barra do Garças. O vigilante Samuel Neves da França, 41 anos, que trabalhava no prédio principal da prefeitura, teve uma crise de insuficiência respitarória.

Ele estava em tratamento de saúde, porém acredita-se que o calor também contribuiu para agravar o quadro de saúde de Samuel que era obeso. No bairro Jardim Pitaluga, a funcionária aposentada da prefeitura Sebastiana Souza Alves passou mal após uma dor forte na nuca.

Ela foi levada para o Pronto Socorro e foi parar na UTI indo a falecer. Sebastiana trabalhou por 27 anos com gari na prefeitura. No bairro Santo Antônio, a dona-de-casa Neuza Neta da Silva, 61 anos, faleceu também com AVC. Ela trabalhava com a família com a venda de espetinhos na avenida Gabriel Ferreira acima do estádio Zeca Costa. Segundo a família, ela já tinha sofrido um AVC antes e ontem provavelmente com o forte calor voltou a sofrer outro AVC.  

Em Aragarças também se registrou a morte de uma dona-de-casa de 50 anos casada com o seo Francisco. E as margens do rio Araguaia foi encontrado ontem à noite o corpo de Beltran Damásio da Silva. Ele se afogou na tarde de sexta-feira e familiares acreditam que ele pode ter passado mal e caiu na água.

Em função do número de óbitos de ontem, houve até mesmo uma confusão onde as pessoas chegaram a comentar nas ruas que o vendedor de mouse conhecido como Felix do Araguaia teria falecido. Todavia foi outra pessoa com o nome Felix.

Os médicos do Pronto Socorro estão orientando as pessoas a tomarem bastante água para hidratação do corpo e para evitar a ingestão de comidas ‘pesadas’ principalmente no período noturno. 

Na semana passada, aconteceu também a morte do diretor de trânsito da Ciretran de Barra do Garças João Felix. Ele foi fazer um cateter no coração e sofreu um AVC durante o procedimento cirúrgico. João Felix foi sepultado em Cuiabá.

 

Ronaldo Couto