Ex-presidente da torcida Força Jovem do Goiás é morto a tiros na porta de sua casa

Dois homens chegaram em um veículo e efeutram vários tiros na vítima.


 

Do Mais Goiás, em Goiânia

 

(Foto: Divulgação)

O ex-presidente da torcida organizada Força Jovem do Goiás, Evandro Rodrigues Cavalcante, de 37 anos, foi morto na manhã desta segunda-feira (22/09) quando deixava sua residência no Setor Parque Santa Rita, em Goiânia. 

Segundo a Polícia Militar (PM), Evandro deixava sua casa quando dois homens apareceram em um carro e efeturam vários disparos contra ele.  

Antes de ser morto, de acordo com a Polícia Militar, Evandro Rodrigues foi atropelado pelos suspeitos (As marcas do atropelamento podem ser vistas acima da cintura de Evandro - fotos abaixo). Depois, os homens desceram do carro e atiraram contra a vítima.  

 

Ainda de acordo com a PM, Evandro foi atingido por cinco tiros;  sendo dois nas costas, um no peito e dois na cabeça. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local.  O IML (Instituto Médico Legal) foi acionando e removeu o corpo do loca.

 

Por meio de denúncia anônima, a Polícia Militar localizou o veículo que teria sido utilizado pelos suspeitos de assassinarem Evandro. Um veículo Ford Focus de cor preta estava no Residencial Rio Verde, próximo ao local do crime. O carro foi roubado no último dia 9 de setembro no Jardim Ana Lúcia.

 

O ex-presidente da torcida Força Jovem, Evandro Rodrigues Cavalcante, foi acusado de mandar o colega de torcida Rodrigo Rodrigues de Souza matar o adolescente Lucas Arantes Silva de Moraes, de 17 anos no dia 25 de junho de 2011 e chegou a ser preso por isso.