Inscrições para concurso da PM e bombeiros serão abertas na segunda; salário é de R$2,3 mil

Inscrições para concurso da PM e bombeiros serão abertas na segunda; salário é de R$2,3 mil

Serão abertas nesta segunda-feira (25) as inscrições para os cargos de soldado da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros em Mato Grosso. A remuneração é de R$ 2.366,79 e são ofertadas 1,5 mil vagas (sendo 1,2 mil para a PM e as 300 demais para o Corpo de Bombeiros). As provas serão aplicadas pela Fundação Carlos Augusto Bitencourt (Funcab) e as inscrições podem ser feitas pelo site www.funcab.org.

O comandante geral da Polícia Militar no Estado, coronel Nerci Adriano Denardi reconhece que o número de inclusões ainda é pequeno frente às potencialidades de crescimento do Estado, mas destaca a estratégia como sendo fundamental. ‘Mato Grosso se desenvolve com muita rapidez, mas com certeza nosso planejamento foi realizado com muita técnica para garantir o atendimento’, explica. 

Segundo ele, os novos soldados já estarão nas ruas - cumprindo estágio obrigatório – durante os jogos da Copa do Mundo, em junho de 2014. 'O curso de formação de soldados dura cerca de cinco ou seis meses, o que possibilitará que reforçem as ações', pontua.

Distribuição/Vagas 

De acordo com Edital, as vagas para soldados PM serão distribuídas em 13 polos, sendo Cuiabá o maior. A capital do Estado receberá reforço no efetivo de 265 militares. O polo de Sinop será o segundo em número de inclusões com 108 homens, já o polo de Vila Rica figura como terceiro em inserções com 72 novas inclusões. 

Já as 300 vagas para soldados do Corpo de Bombeiros serão distribuídas em 15 polos, sendo 105 para Cuiabá e Várzea Grande. Outros 20 militares bombeiros para Juína e 25 para o polo de Sinop. 

Os interessados nas vagas devem possuir o ensino médio completo. As inscrições serão realizadas até o dia 29 de novembro e as provas serão aplicadas em 19 de janeiro de 2014. Os editais do concurso foram publicados na edição do Diário Oficial do Estado que circulou no último dia 19 de novembro.

 

Da Redação - Patrícia Neves